Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia: O maior templo islâmico do Ocidente

A Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia

Também conhecida como Mesquita de Córdoba ou Catedral de Córdoba, a Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia é o maior templo islâmico do Ocidente. Inicialmente era um templo romano, cujas colunas ainda existem no interior da mesquita. Depois se tornou uma catedral visigótica. E após a invasão dos árabes no ano de 716, houve a sua transformação nesta imensa mesquita.

A Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia
A Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia
Um pouco da História da Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia

Por volta do ano 1000, Córdoba era uma das maiores e mais desenvolvidas cidades do mundo. Nesta época, muitos palácios e mesquitas foram construídos na cidade. Ela era a sede do califado árabe e também a capital da região. A Mesquita de Córdoba na Andaluzia, representava o poder do Islã na Península Ibérica e marcou o apogeu da cidade. E no século XIII após a queda dos árabes, foi construída uma nova catedral no interior da mesquita. Esta é a terceira maior mesquita islâmica do mundo e a maior do Ocidente. A edificação compreende  24.000 m² de superfície com um pátio em seu exterior, o Pátio das Laranjeiras. A Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia foi construída entre os anos de 785 e 787 e sofreu várias mudanças nos séculos seguintes. Grande parte das colunas foram retiradas de prédios visigóticos e romanos, da Europa e da África e trazidos para Córdoba.

O interior da Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia

O interior da Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia é composto por uma sala de oração com 19 naves e diversas capelas nas laterais destas naves, e algumas guardam verdadeiros tesouros em objetos religiosos, esculturas e quadros.

Maravilhosa cúpula no interior da Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia
Maravilhosa cúpula no interior da Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia

A imensidão dos arcos coloridos em branco e vermelho, está disposta de forma a nos dar uma sensação de infinito. As colunas são de mármore, granito e jaspe.

Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia
Intrigante interior da Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia
A Catedral na Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia

A catedral foi construída no meio da mesquita nos anos de 1523 até 1617. Foram então retiradas cerca de 60 colunas e uma parte delas foi usada para a decoração das paredes. Quando a catedral ficou pronta, o então imperador Carlos V disse: “Destruímos uma obra única no mundo para construirmos uma obra que se encontra em qualquer lugar”.

A catedral no interior da Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia
A catedral no interior da mesquita
O Mihrab na Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia
O “Mihrab” é  o espaço mais importante da mesquita e onde havia uma cópia dourada do alcorão. É ornamentado com ouro, prata, esculturas de mármore e mosaico bizantino. Em forma de arco que indica a direção da Meca, o centro sagrado de peregrinação.
O belíssimo Mirhab na Mesquita-Catedral de Córdaba na Andaluzia
O belíssimo Mihrab
A Mesquita-Catedral de Córdoba na Andaluzia foi tombada como Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco. Horário para visitas: de segunda a sábado das 10h às 18h. Aos domingos e feriados das 9h às 10:30h e das 14h às 18h.
NOTA: Curta nossa página: https://www.facebook.com/thaistalonge/ e nos acompanhe.

NOTA: Curta nossa página: https://www.facebook.com/thaistalonge/ e nos acompanhe.

Reserve seu hotel aqui, pelo preço original da Booking.com. Obrigada pela sua companhia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *