Buenos Aires: Bairro Palermo, o Melhor da Capital Argentina

O Bairro Palermo é um delicioso local com belos parques, ótimas galerias, muitos restaurantes e lojas ultra descoladas.

Estivemos em Buenos Aires pela primeira vez em nossa lua de mel…há mais de trinta anos.

Podíamos caminhar pelo centro da cidade à qualquer hora do dia ou da noite sem nenhum perigo, como na bela “Calle Florida”. Era novembro de 1979, e as ruas estavam sempre lotadas de pessoas alegres e elegantes. A arquitetura bem conservada dos prédios remetia aos passeios um sofisticado ar europeu.

A Boca em Buenos Aires

Era um dos passeios mais marcantes daquela época.

vista do Caminito em Buenos Aires no blog thais tá longe

Caminito em Buenos Aires

Passear pelo tradicional “Caminito” e curtir suas casinhas coloridas de alumínio era intrigante!

Como na maioria das cidades grandes, hoje em dia visitar “A Boca” requer mais atenção com a segurança.

Bairro Palermo em Buenos Aires

Atualmente o Bairro Palermo é o maior bairro da cidade, extremamente agradável e possivelmente o mais interessante. Em virtude do enorme tamanho, este bairro foi subdividido em: Palermo Soho, Palermo Hollywood, Palermo Chico e Palermo Alto. Em Palermo Soho, as ruas de pedras contrastam com as alegres paredes coloridas. A melhor forma de explorar o bairro é caminhar por ele, curtindo seus bons restaurantes, as várias galerias de arte e as lojas mais descoladas de Buenos Aires. Nele também se encontra o Planetário, o Hipódromo de Palermo e o Museu Evita. Abaixo vemos o restaurante do museu.

museu evita em Buenos Aires no blog thais tá longe
foto de divulgação do site do museu

Endereço: rua Lafinur 2988, pertinho do Jardim Botânico. Veja aqui o site oficial deste museu.

O Bairro Palermo em Buenos Aires na Argentina, seria o equivalente ao Bairro Marais em Paris, ao Soho em Nova York ou à Vila Madalena em São Paulo.

Bosques de Palermo em Buenos Aires

Compreendem a imensa área verde do bairro.

Os maiores destaques verdes são o “Paseo El Rosedal” e o “Jardim Japonês”, além do Jardim Botânico e do Zoológico. O Paseo El Rosedal contém mais de 18.000 espécies de rosas, sendo mais interessante a visita na primavera, quando a grande maioria está florida.

Jardim Japones em Buenos Aires

Inaugurado em 1967, quando o então príncipe-herdeiro do Japão e atual imperador Akihito, visitou a cidade.

Curta um fim de tarde no Jardim Japonês, em companhia de carpas e bonsais.

Endereço: Av. Casares 2966, 1425           Ingresso:  $ 70 (cerca de R$ 20,00)        Horário: 10 até 18 horas

NOTA: Curta nossa página: https://www.facebook.com/thaistalonge/ e nos acompanhe.

Fotos: Thais tá longe e pixabay

Reserve seu hotel aqui, pelo preço original da Booking.com. Obrigada pela sua companhia!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *